BRAZIL NIL NEWS

Ícone

News from Brazil

MST já recebeu R$ 151,8 mi da União


Março 29, 2009 by Nilnews

Levantamento divulgado neste sábado pelo site Contas Abertas, com informações obtidas no Sistema Integrado de Administração Financeira, revela que entidades que têm dirigentes ligados ao MST receberam, desde 2002, 151 milhões e 800 mil reais em recursos da União, montante distribuído em cerca de mil convênios celebrados entre governo e grupos de desenvolvimento agrário.

Ao todo, são 43 entidades sem fins lucrativos capitaneadas dirigentes do MST nos últimos seis anos.

Entre as entidades que receberam mais recursos do governo, a Associação Nacional de Cooperação Agrícola (Anca) encabeça a lista, tendo recebido R$ 22,3 milhões.

O levantamento aponta ainda que, em alguns casos de rapasse, há irregularidades. Desde 2002, R$ 23,2 milhões foram pagos por meio de contratos considerados inadimplentes e cujos pagamentos foram suspensos, alguns por apresentarem irregularidades na execução do convênio e outros pela falta de prestação de contas dos recursos empenhados.

O site Contas Abertas ressalta que, de acordo com a legislação brasileira (8.629/93), é proibido o financiamento público a movimentos sociais cujas ações empreendidas configuram crime de “invasão de imóveis rurais ou de bens públicos”, caso do MST

Governo deve baixar IPI para as motos

Março 28, 2009 by Nilnews

O pacote fiscal a ser anunciado pelo governo também deverá baixar as alíquotas do IPI sobre as motocicletas.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, vai anunciar na próxima segunda a postergação da redução do IPI para veículos por mais três meses, mas desta vez a medida também irá beneficiar as motocicletas.

A medida faz parte de um pacote com o objetivo de estimular a economia. O que ainda não está certo é se o governo irá atrelar a exigência de manutenção do emprego à redução do imposto.

O governo também está estudando outras medidas, entre elas a redução do PIS/Cofins sobre os juros com o objetivo de baixar os “spreads” (a diferença entre o custo de captação do dinheiro e as taxas cobradas pelos bancos).

Também está na mesa o aumento do IPI sobre os cigarros para compensar a perda de arrecadação.

Mercado Aberto

Clodovil: um destino para casa em Ubatuba

Março 28, 2009 by Nilnews

A casa onde Clodovil Hernandes morava em Ubatuba, no litoral paulista, quase teve a luz cortada nesta semana. A Elektro, fornecedora de energia elétrica na cidade, cobrava uma dívida de mais de R$ 1.600, vencida em fevereiro, e deu um prazo até a próxima segunda-feira para a realização do pagamento. Para evitar o corte, a advogada Maria Hebe Pereira de Queiroz, testamenteira de Clodovil, pagou a conta ontem.

E a testamenteira tenta encontrar uma destinação à casa de Ubatuba. O imóvel pode ser alugado, aberto ao público ou ter a mobília leiloada, com a renda revertida para a Fundação Izabel, que ele determinou que seja criada após sua morte.

Até lá, amigos e ex-funcionários de Clodovil estão proibidos de entrar no imóvel: só o caseiro, o jardineiro e os três seguranças contratados para guardar o local podem fazê-lo.

Mônica Bergamo

AES Sul manda conta de luz por e-mail

Março 28, 2009 by Nilnews

Os clientes da AES Sul já podem receber sua conta de energia elétrica por e-mail.

A ideia da companhia, que atende a 118 municípios das regiões metropolitana e centro-oeste do Rio Grande do Sul, contando com  aproximadamente 1,046 milhão de clientes, é reduzir ao máximo a utilização de papel, com vistas à redução de custos à preservação ambiental.

Para solicitar a conta por e-mail, basta se cadastrar no site da empresa, relacionado abaixo.

A companhia também oferece outros serviços via web, como alteração de dia de vencimento ou de endereço de entrega da conta, pedidos de manutenção de rede, rescisão de contratos, atualização de dados e aumento de carga de energia, entre outros.

A companhia possui 1.187 MVA de potência instalada, 1.620 quilômetros de linhas de transmissão e 771 pessoas trabalhando em equipes diversas, instaladas em cinco superintendências regionais, 15 bases operacionais, 29 lojas de atendimento, e três centros de operação, um para distribuição, outro para subtransmissão e outro para treinamento e desenvolvimento, todos localizados em São Leopoldo.

A AES Brasil, que no Rio Grande do Sul é proprietária da distribuidora de energia AES Sul, estaria estudando investir na instalação da termoelétrica. O local seria uma área de dez hectares junto ao Distrito Industrial da margem da BR 386 (Tabaí/Canoas), próximo da John Deere e do Pólo Petroquímico. O investimento, calcula Dario, pode chegar a um bilhão e 600 milhões de reais. Ele cita que o gás fornecido pela Petrobrás deverá vir de navio até o terminal marítimo de Tramandaí, de onde será encaminhado via gasoduto para Canoas e depois para Montenegro. A energia produzida pela termoelétrica será suficiente para abastecer uma cidade do porte de Porto Alegre.

Colling explica que a termoelétrica não deverá gerar muitos empregos, calculando entre 50 e 60 trabalhadores, já que utiliza alta tecnologia. Mas o empreendimento deverá dar um grande retorno de ICMS ao município.

Porto Alegre ganha primeira fábrica de chips da América Latina

Março 28, 2009 by Nilnews

Porto Alegre inaugurou ontem, 27, a primeira fábrica de chip comercial do Brasil.

Pela manhã, o prefeito José Fogaça integrou a cerimônia de inauguração do Centro de Design do Centro de Excelência em Tecnologia Eletrônica Avançada (Ceitec).

Ao lado da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, e do ministro da Ciência e Tecnologia, Sérgio Rezende, Fogaça descerrou a placa alusiva à abertura da fábrica e visitou as instalações. A solenidade marcou a posse do novo presidente do Ceitec, o alemão Eduard Rudolf Weichselbaumer.

Weichselbaumer revelou tem planos audaciosos para a internacionalização do empreendimento.

Ele quer fomentar as exportações da empresa, quando possível, por meio de parcerias com indústrias estrangeiras, também pensa na instalação de uma filial no Vale do Silício.

Weichselbaumer pretende multiplicar por três a quantidade de engenheiros do Ceitec, atingindo 120 profissionais.

Localizado na Estrada João de Oliveira Remião, na Lomba do Pinheiro, o Ceitec é uma parceria entre governos federal e estadual e prefeitura, que destinou a área de 5,5 hectares para a construção do complexo. Especializada no desenvolvimento e produção de circuitos integrados de aplicação específica (ASICs), o centro tem capacidade para produzir chips de alta tecnologia, exercendo papel estratégico para a indústria microeletrônica no país.

Em fase final de implantação e certificação, o Ceitec será a única fábrica da América Latina capaz de desenvolver chips. Atualmente, 45 engenheiros trabalham no Design Center. A partir de julho, a fábrica deverá começar a produzir chips comercialmente. Conforme o novo presidente, a meta é ampliar a capacidade produtiva e expandir para 120 o número de engenheiros trabalhando no centro de desenvolvimento.

Foto: Ricardo Giusti / PMPA

Suecos terão que instalar bafômetro em carros

Março 28, 2009 by Nilnews

Bafômetro que deverá ser instalado em carros suecos (divulgação)

Bafômetros serão instalados apenas em carros de quem já foi punido

Motoristas condenados por dirigir embriagados na Suécia serão obrigados a instalar em seus carros uma trava especial acoplada a um bafômetro, que só permitirá dar partida no veículo se a pessoa estiver sóbria.

A nova legislação está sendo finalizada pelo Ministério dos Transportes sueco e deverá entrar em vigor a partir de janeiro de 2010.

“Sabemos que um terço dos motoristas condenados por dirigir sob o efeito de álcool são reincidentes. Por isso, as travas serão direcionadas aos motoristas que já sofreram uma condenação”, disse a ministra dos Transportes, Åsa Torstensson, ao canal 4 da televisão sueca.

A trava de bafômetro é um pequeno aparelho, adaptado ao painel de instrumentos do veículo. Para dar partida no motor, os motoristas terão que soprar dentro do aparelho, a fim de provar que não estão sob a influência de álcool.

Segundo a nova lei, para voltar a dirigir seus carros, os motoristas condenados por dirigir embriagados terão que usar a trava de bafômetro durante um ou dois anos, dependendo da severidade da infração cometida.

Para poder voltar a usar o carro normalmente, sem a trava, os motoristas terão que evitar infringir leis de trânsito durante o período probatório.

O custo das travas de bafômetro será parcialmente subsidiado pelo governo. Mas os motoristas infratores devem ter que arcar  com a instalação da trava que poderão chegar a 60 mil coroas suecas (cerca de US$ 7,4 mil).

O Ministério dos Transportes sueco chegou a considerar a possibilidade de tornar obrigatória a instalação das travas de bafômetro em todos os veículos novos.

Na Suécia, o limite máximo aceitável de concentração de álcool no sangue é de 0,2 g (dois decigramas) por litro de sangue. Isso significa que um motorista pode ser processado se beber apenas o equivalente a menos de uma lata de cerveja, e a polícia sueca faz uma fiscalização frequente e rigorosa.

Dirigir sob efeito de álcool é considerado um crime sério na Suécia, sujeito a multas ou penas de até seis anos de prisão.

A Suécia foi um dos primeiros países do mundo a regulamentar a relação entre o uso de bebidas alcoólicas e a direção de veículos. A primeira lei a definir os limites de níveis alcoólicos surgiu na Noruega, em 1936, sendo seguida pela Suécia em 1941.

BBC BRasil

Tags: , , ,
Postado em Acidente, Carro, Lei, Transito | Editar

Anúncios

Arquivado em:Allgemeines

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: